Faculdade Edufor

Alunas de Serviço Social da EDUFOR vivenciam estágio curricular na SEMU e se destacam por participar da Elaboração da Política Estadual da Mulher

Alunas de Serviço Social da EDUFOR vivenciam estágio curricular na SEMU e se destacam por participar da Elaboração da Política Estadual da Mulher

Alunas de Serviço Social da EDUFOR vivenciam estágio curricular na SEMU e se destacam por participar da Elaboração da Política Estadual da Mulher
  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

O estágio oportuniza experiências profissionais e prepara as futuras Assistentes Sociais para terem a sensibilidade de atender as mulheres de forma mais humanizada, levando informação e garantia de direitos

Durante estágio supervisionado realizado na Coordenação da Política de Autonomia Econômica para as Mulheres, da SEMU – Secretaria Estadual da Mulher, as alunas do Curso de Serviço Social, da Faculdade EDUFOR, ganham destaque com as suas contribuições para o processo de revisão da elaboração da Política Estadual da Mulher.

As estudantes Victória Freitas, Poliana Souza, Karla Ribeiro e Nathianne Baldez, do 6° período, e Ana Paula Alencar, do 5° período, tornam-se especialmente importantes porque esse é um momento de construção e organização da pauta das políticas públicas para as mulheres no Maranhão, que visa a qualificação profissional e a igualdade de gênero. Elas ainda se evidenciam por serem as únicas estagiárias de Serviço Social no setor, vivenciando e contribuindo para esta política. As estudantes estão sob supervisão acadêmica das professoras Emanuelle Pinheiro e Enaire Sousa.

A SEMU é um órgão público  que tem como missão formular, executar, monitorar, avaliar e articular políticas públicas que visem a promoção, proteção e defesa dos direitos das mulheres sob a perspectiva de gênero, classe, raça e etnia, promovendo sua transversalidade nos órgãos públicos estaduais e a participação da sociedade civil organizada, que visa disseminar as políticas públicas para as mulheres no estado do Maranhão. Este órgão oportuniza experiências profissionais e prepara as futuras Assistentes Sociais a terem a sensibilidade de atender as mulheres de forma mais humanizada, levando informação e garantia de direitos.

De acordo com Rebeca Alexandre, Assistente Social e Supervisora Técnica de Campo, da SEMU, o público feminino tem o apoio da instituição que é sensível ao oportunizar esses espaços. “Com o nosso incentivo, promovendo a igualde de gênero, buscando uma sociedade mais justa e igualitária, a mulher maranhense toma consciência de que ela pode ter a sua própria renda, exercer funções nas quais sentem-se felizes e, em uma visão mais ampla, fugir dos padrões impostos pela sociedade; e os estudantes, enquanto estagiários da instituição, têm, consequentemente, a oportunidade de experimentar a prática profissional de forma qualificada.

“A inserção no estágio na Secretaria das Mulheres é muito importante para nós enquanto estudantes, pois a SEMU lida diretamente com os direitos das mulheres, que são menos acessíveis e mais burocratizados, e participar desse processo, acrescentando propostas, nos traz muita satisfação diante da grandeza desse plano”, explicou a aluna Poliana Souza.

O estágio na SEMU foi viabilizado pela parceria do órgão com a Faculdade EDUFOR, na pessoa da Profª Christiane Lima, Coordenadora do curso de Serviço Social e tem por finalidade complementar a formação do estudante por meio de atividades práticas, possibilitando ao aluno, concretizar os ensinamentos teóricos recebidos na instituição de ensino, preparando-os para o ingresso no mercado de trabalho.

A estagiária Karla Ribeiro ressaltou a importância de ter uma coordenadora de curso que está sempre disposta e comprometida a colaborar e buscar os melhores campos de estágios, que proporcionam experiências únicas, que farão toda diferença em suas vidas enquanto profissionais.

Já a aluna Victória Freitas ressaltou que o estágio é o primeiro contato do aluno com o mercado de trabalho, com a vivência profissional e falou da importância de ter uma supervisora técnica. “Ter um bom direcionamento faz toda a diferença no momento do estágio. Ter a Rebeca Alexandre como nossa supervisora técnica é absorver o que de fato será necessário para concluirmos o estágio com êxito”.

Olá, deixe seu comentário para Alunas de Serviço Social da EDUFOR vivenciam estágio curricular na SEMU e se destacam por participar da Elaboração da Política Estadual da Mulher

Enviando Comentário Fechar :/
X

Ouvidoria

Sua opinião é muito importante para nós!

Aguarde, enviando contato!
X

Assine nossa Newsletter

Quer ficar informado?

Assine nossa newsletter e receba nossas novidades em seu email!

Quer ficar informado?

Assine nossa newsletter
e receba nossas novidades em seu email!